* Som de liberdade...



SOM DE LIBERDADE


Quando vejo passarinho
Cantando em uma gaiola
Pergunto para o seu dono
Porque não compra vitrola.

Passarinho nasceu livre
Pra viver na natureza
Ele abre seu biquinho
Logo espanta a tristeza.

Seja igual ao passarinho
Cante, brinque sem parar
Viva feliz com os amigos
Pra liberdade saldar.

Quantas notas musicais
Você sabe solfejar
Dó, ré, mi, fá, sol, lá, si
Você já sabe cantar.

Então abra sua boca
Para sua voz soltar
Cante já a musiquinha
A que mais lhe agradar.

Mas não prenda o coitadinho
Ele precisa voar
Ele nasceu pra ser livre
Sua casa está no ar.

Clóvis Coelho Rocha

Chega o JOSÉ

O que é liberdade
é uma criança brincando
é uma ave voando
sem estar engaiolado

É alto poder dizer
sem se sentir ameaçado
neste mundo quero viver
sempre sempre em liberdade

Chega nossa amiga ANA MARLY

Liberdade e estresse

Ana Marly de oliveira Jacobino

Quando escuto um avião
Voando por sobre a cidade
Lembro do vizinho cinqüentão
Em sua louca agressividade.

O tal do feioso Aderbal
Que por sinal é tão chato
Dorme com o tal do ruído
E, acredite ronca tão alto!

Mesmo com esse som infernal
Um sabiá no auge do estrelato
Canta com sua voz de cristal
Um fruto natural de vibrato!

O mal humorado do Aderbal.
Acorda do seu sonho chato
Ao ouvir o cantante angelical
Quer lhe jogar um sapato!

Dedico a Chica (http://sementinhasparacriancas.blogspot.com/) e a Clóvis Coelho da Rocha

Vem o amigo Amândio do Apollo-onze , nos presenteando de forma tão linda...

"Fui sempre um pássaro perdido
Até que neste colorido blogue pousei
Aí fiquei deveras tão surpreendido
Com as lindas historia que aqui encontrei

Desde então eu costumo sempre visitar
Para encontrar de uma forma feliz a minha orientação
Que aos meus tempos de infância costuma tantas vezes levar
Para grande felicidade do meu coração

Embora eu não saiba muito bem chilrear
Tento mesmo assim algumas notas solfejar
Como singela forma de agradecer
Os tão magníficos textos que aqui costumo ler"

Parabéns a si minha querida amiga Chica e a todos aqueles que contribuem para o embelezamento literário deste espectacular blogue!
Mil poéticos e "livres" beijinhos Rsrsr

14 comentários:

  1. Poeminha lindo, esse.

    Viva a Liberdade!!

    Boa semana para si.

    ResponderExcluir
  2. O que é liberdade
    é uma criança brincando
    é uma ave voando
    sem estar engaiolado

    É alto poder dizer
    sem se sentir ameaçado
    neste mundo quero viver
    sempre sempre em liberdade

    um beijinho,
    José.

    ResponderExcluir
  3. Sensacional essa poesia!Parabéns pela linda escolha!Bjs,

    ResponderExcluir
  4. O poema é lindinho, também não gosto de pássaros em gaiolas, tenho comedouros no jardim e também uma gaiolinha de madeira para se algum se quiser abrigar ou quem sabe , fazer ninho mas sem porta claro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Viva a vida, viva a leibredade e a natureza.Vem ver o video de Alice ajudando o plante e se desejar adoraria que vc postasse nos seu, abraços

    ResponderExcluir
  6. Liberdade e estresse
    Ana Marly de oliveira Jacobino

    Quando escuto um avião
    Voando por sobre a cidade
    Lembro do vizinho cinqüentão
    Em sua louca agressividade.

    O tal do feioso Aderbal
    Que por sinal é tão chato
    Dorme com o tal do ruído
    E, acredite ronca tão alto!

    Mesmo com esse som infernal
    Um sabiá no auge do estrelato
    Canta com sua voz de cristal
    Um fruto natural de vibrato!

    O mal humorado do Aderbal.
    Acorda do seu sonho chato
    Ao ouvir o cantante angelical
    Quer lhe jogar um sapato!


    Dedico a Chica (http://sementinhasparacriancas.blogspot.com/) e a Clóvis Coelho da Rocha

    ResponderExcluir
  7. Chica vou postar a homenagem no meu Recanto. Abraços Poéticos Piracicabanos de Ana Marly de OLiveira Jacobino

    ResponderExcluir
  8. concordo com cada nota musical..

    Lugar de passarinho cantar ... é na natureza, nas árvores, nas flores...

    Chica, nenhum enjoo por enquanto rs, eu e bebe, estamos bem!

    bjkas

    ResponderExcluir
  9. Muito lindo e me fez lembrar uma tarde em que abri todas as gaiolas e soltei os pássaros que meu filho mantinha cativos...rs.Ele pirou!rs
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Oi Chica,

    CRIANÇA E PASSARINHO

    Um passarinho preso
    Não canta, ele Chora.
    Seu canto é lamento,
    Por liberdade implora.

    Crianças e passarinhos,
    Não gostam de cativeiro.
    Gostam de liberdade,
    De voar o tempo inteiro.

    Criança precisa de espaço
    Para trilhar seu caminho.
    E voltar que nem pássaro,
    Ao aconchego do ninho.

    ResponderExcluir
  11. Gostaria de agardecer a visita !!! adorei o seu cantinho...Bjim

    ResponderExcluir
  12. Chica, gostei de sua visita. Seu blog é especial. Voltarei sempre.

    ResponderExcluir
  13. "Fui sempre um pássaro perdido
    Até que neste colorido blogue pousei
    Aí fiquei deveras tão surpreendido
    Com as lindas historia que aqui encontrei

    Desde então eu costumo sempre visitar
    Para encontrar de uma forma feliz a minha orientação
    Que aos meus tempos de infância costuma tantas vezes levar
    Para grande felicidade do meu coração

    Embora eu não saiba muito bem chilrear
    Tento mesmo assim algumas notas solfejar
    Como singela forma de agradecer
    Os tão magníficos textos que aqui costumo ler"

    Parabéns a si minha querida amiga Chica e a todos aqueles que contribuem para o embelezamento literário deste espectacular blogue!

    Mil poéticos e "livres" beijinhos Rsrsr

    ResponderExcluir
  14. Mas chica, se a gente realmente ama, deixa livre...

    E se eles gostarem de nós, voltam.

    Fique com Deus, menina Chica.
    Um abraço.

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥