* O elefantinho pintor...



O Elefantinho Pintor

Pincela uma cor aqui, outra acolá

Pinta pedra de azul

Árvores tem folhas vermelhas

A girafa acredita

que está comendo cerejas

A zebrinha não sai da frente do espelho

não se cansa de olhar suas novas cores

uma listra roxa outra laranja

e no rabinho um verdinho suave.




Elefantinho maluquinho

cismou colorir o céu

Escalou o Evereste

Com o pincel na sua tromba

Coloriu as nuvens

Amarelo, verde, rosa, salmão

Até o sol mudou de cor

Lilás, turquesa, limão.

O Monte Evereste brilhou

com sua cor prateada.

Choveu, choveu

E a chuva descoloriu

Elefantinho chorou

Mamãe explicou:

não pode mudar

as cores que a caprichosa

natureza pintou

O choro cessou

O olho brilhou

um caderno ele ganhou



Os pinguinhos de tinta

colorem o papel

O Mundo tem rosto

Seu sorriso é azul

e seus braços tem a paz

Elefantinho canta,

enquanto colore

um mundo de amor

Azul e branco

Azul e branco

Sonia Ortega

Um comentário:

  1. Doce e lindo poema da Soninha!Parabens pela escolha,Chica!Seu blog está um show!Afetuoso abraço,

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥