* Olha a cara do Sol...

Olha a cara do sol

Olha a cara do sol...redonda e gorducha parecendo um capacho!

Vem descendo a ladeira todo cheio de ginga

Eta, menino cara de tacho!

E quando ele chega,de sorriso estampado no rosto,balançando suas tranças,invade as casas,sem ser convidado,e já vai acordando as crianças.

Ele acorda os bichos da floresta!

Ele acorda os peixes dos oceanos!

Ele acorda os homens da cidade!

E por onde vai passando o dia vai raiando deixando um rastro de saudade.

E quando a Dona Lua,em meio as estrelas do céu, aparece cintilante do outro lado, ela ordena sorridente para ele:

Chega de bagunça...vai dormir menino danado!
E o menino obediente sobe o morro devagar, se escondendo de mansinho.
Pois já sabe que amanhã, como faz todos os dias, ele acorda bem cedinho.

Ivan Ferrettti Machado

4 comentários:

  1. Oi Chica, linda e doce esta poesia do Ivan. Um mimo ! Bela postagem... Só não deu paa visualizar a imagem com a cara do sol. Bjs com meu carinho.

    ResponderExcluir
  2. Adorei!
    sempre fico encantado nesse seu espaço.

    abraços

    P.S: nao esquece amanhã minha estreia no blog da comedia diaria. Lembra? meus posts lá só aos sabados.

    ResponderExcluir
  3. Esse Ivan... é genial.

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥