* A Pipa...


A PIPA
De cima do barranco
Pés descalços eu empinava
Minha pipa azul e branco
Lá no céu flutuava

Minha pipa cor azul
Subia ao imenso céu
Ao soprar do vento sul
Voava alto ao léu

Pipa é sonho de menino
Esse sonho faz voar
No pensamento pequenino
É pipa solta no ar

Mês de agosto já vem
O vento propício estar
Empine sua pipa também
Para o sonho continuar

A vida passa depressa
Pouco tempo prá empinar
Pega a pipa e vamos nessa
Não deixe o tempo passar.
Tunin

10 comentários:

  1. Você me fez lembrar de um grande amigo, contador de histórias que faz pipas e expõe. Ele é do Acre.
    Saudações Florestais !

    ResponderExcluir
  2. Chica,como é gostoso lembrar esses tempos de criança!Tunin é um grande escritor!Vou procurá-lo no Recanto!Bjs e bom dia!

    ResponderExcluir
  3. Obrigado, Chica, pela oportunida e, também, pelos comentários positivos. Tunin

    ResponderExcluir
  4. Adooro pipas.. fazer manobras, correr com o vento... ve-la se perder no céu azul...

    bj

    ResponderExcluir
  5. Oi Chica, um mimo de poema do Tunin, em versos bem rimados, melodiosos. Gostei do novo template do blog. Bjs com gotinhas de poesias.

    ResponderExcluir
  6. Oieee!!!

    que amadinho o seu blog!

    parabéns!

    =D

    ResponderExcluir
  7. OLÁ KERIDA,
    LEMBREI DA MINHA INFÂNCIA QUANDO LI SOBRE A PIPA.
    E SOBRE AS PROEZAS DE CONDOMÍNIO FOI MAL FICAR DEVENDO, SEM TEMPO MESMO,MAS A CABEI DE POSTAR UMA NOVA, PASSA LÁ.
    BJS!

    ResponderExcluir
  8. Oiiie Chica!
    que deliciosa visita em meu blog!
    volte sempre!

    obrigada por me seguir! fiquei super feliz!

    bjooo

    ResponderExcluir
  9. Olá Chica, que beleza esta arte de juntar letrinhas infantis. A riqueza da inocência deve ser brindada. Abraços

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥