* A Páscoa no mundo...

Estamos iniciando a semana da Páscoa! Trago aqui um pouco dela no mundo...

A Páscoa no mundo





Na China


O "Ching-Ming" é uma festividade que ocorre na mesma época da Páscoa, onde são visitados os túmulos dos ancestrais e feitas oferendas, em forma de refeições e doces, para deixá-los satisfeitos com os seus descendentes.


Na Europa


As origens da Páscoa remontam a bem longe, aos antigos rituais pagãos do início da primavera (que no Hemisfério Norte inicia em março). Nestes lugares, as tradições de Páscoa incluem a decoração de ovos cozidos e as brincadeiras com os ovos de Páscoa como, por exemplo, rolá-los ladeira abaixo, onde será vencedor aquele ovo que rolar mais longe sem quebrar.




Nos países da Europa Oriental, como Ucrânia, Estônia, Lituânia e Rússia, a tradição mais forte é a decoração de ovos com os quais serão presenteados amigos e parentes. A tradição diz que, se as crianças forem bem comportadas na noite anterior ao domingo de Páscoa e deixarem um boné de tecido num lugar escondido, o coelho deixará doces e ovos coloridos nesses "ninhos".


Nos Estados Unidos


A brincadeira mais tradicional ainda é a "caça ao ovo", onde ovos de chocolate são escondidos pelo quintal ou pela casa para serem descobertos pelas crianças na manhã de Páscoa. Em algumas cidades a "caça ao ovo" é um evento da comunidade e é usada uma praça pública para esconder os ovinhos.


No Brasil e América Latina


O mais comum é as crianças montarem seus próprios ninhos de Páscoa, sejam de vime, madeira ou papelão, e enchê-los de palha ou papel picado. Os ninhos são deixados para o coelhinho colocar doces e ovinhos na madrugada de Páscoa. A "caça ao ovo" ou "caça ao cestinho" também é utilizada.

 E vocês como festejam a Páscoa?

9 comentários:

  1. Adorei conhecer mais sobre a comemoração da páscoa, bjs e depois vem ver a poesia de páscoa efotinha da Alice, no Floripa Kids de páscoa, bjs

    ResponderExcluir
  2. Em família, normalmente aqui em casa. Mas esse ano, não será aqui.
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  3. Bom dia.
    Que lindo, Chica. A D O R E I.
    Desculpe a minha ausência, mas ando com uns probleminhas de percurso. Dependo de lanhouse e não gosto nada disso.
    FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja um bom domingo para você.
    Saudações Educacionais !

    ResponderExcluir
  4. Oieeee amiga!

    =► FELIZ PÁSCOA ◄=

     **
      ** **
     **   **
     **   **        *****   
     **   **       **   ****  
     **  **       *   **   **   
      **  *      *  ** ***  **  
       **   *    *  **     **  *   
         ** ** ** **         **  
        **   **  **  
       *           * 
      *             *
     *     0   0      *  
     *   /   @   \   *
     *   \__/...\__/   *   
       *    |_|_|    *
         **      **
           ****

    ResponderExcluir
  5. Chica,muito legal fazer trazer toda essa informação para as crianças e adultos!Gostei muito!Bjs,

    ResponderExcluir
  6. Ai q fofos os coelhinhos!!

    Vou comemorar com caça aos ovinhos com as crianças!!

    bjkas

    ResponderExcluir
  7. Pessach (do hebraico פסח, ou seja, passagem), também conhecida como Páscoa judaica, é o nome do sacríficio executado em 14 de Nissan segundo o calendário judaico e que precede a Festa dos Pães Ázimos (Chag haMatzot). Geralmente o nome Pessach é associado a esta festa também, que celebra e recorda a libertação do povo de Israel do Egito, conforme narrado no livro de Shemot (Êxodo).

    De acordo com a tradição, a primeira celebração de Pessach ocorreu há 3500 anos, quando de acordo com a Torá, Deus enviou as Dez pragas do Egito sobre o povo do Egito. Antes da décima praga, o profeta Moisés foi instruído a pedir para que cada família hebréia sacrificasse um cordeiro e molhasse os umbrais (mezuzót) das portas com o sangue do cordeiro, para que não fossem acometidos pela morte de seus primogênitos.

    Chegada a noite, os hebreus comeram a carne do cordeiro, acompanhada de pão ázimo e ervas amargas (como o rábano, por exemplo). À meia-noite, um anjo enviado por Deus feriu de morte todos os primogênitos egípcios, desde os primogênitos dos animais até mesmo os primogênitos da casa do Faraó. Então o Faraó, temendo ainda mais a Ira Divina, aceitou liberar o povo de Israel para adoração no deserto, o que levou ao Êxodo.

    Como recordação desta liberação, e do castigo de Deus sobre Faraó foi instituído para todas as gerações o sacríficio de Pessach.

    É importante notar que Pessach significa a passagem, porém a passagem do anjo da morte, e não a passagem dos hebreus pelo Mar Vermelho ou outra passagem qualquer, apesar do nome evocar vários simbolismos.

    Um segundo Pessach era celebrado em 14 de Iyar,para que pessoas que na ocasião do primeiro Pessach estivessem impossibilitadas de ir ao Tabernáculo, fosse por motivos de impureza , ou por viagem .

    ResponderExcluir
  8. E Feliz Páscoa para você e a sua família.

    Pessach Sameach!

    ResponderExcluir
  9. Em família acredito ser a melhor forma. Feliz Páscoa, amiga! Estava com saudade de vir aqui. Aproveitei para me fartar de suas sementes.
    Bjs
    Stella Tavares

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥