* Uma conversinha...


* Imagem Daqui


Mamãe Bolona
filhinha Bolotinha
estavam a nadar.

Assim, felizes,
bem juntinhas
 gostavam de conversar.

Mamãe lhe dizia:
- Bolota, estás bem?
-Sim,mamãe,estou contigo
tudo bem!

 Só tenho medo dos meninos
que aqui nos vem olhar
mas não sabem os pequeninos
que nada em nós devem jogar!

_ Há quem jogue até sapatos,
não deves comer,não!
Pena, eles são  meninos
 que não tem educação!

-Fica tranquila,Bolota,
sempre vou te cuidar
e quando grande fores
 já saberás  deles escapar!
Chica

Chegou José

Pois nunca devem jogar
nada fira os animais
eles não sabem falar
mas sentem dores iguais

Chegou Ana Marly

Diálogo entre mãe e filho hipopótamos


Mamãe; o menino me confundiu com um barril
Filho: Não liga para o que pensa o menino!
Olha, releve essa criatura ainda tão infantil
Querido: Tome cuidado um dia ele vai crescer
Para nos mostrar o seu instinto assassino!

17 comentários:

  1. Um dialogo educativo e ao mesmo tempo emotivo.
    Quando fores grande saberás deles escapar.
    Espero ainda que nunca os queiras atacar e perseguir.

    ResponderExcluir
  2. que fot linda...e uma otima reflexao...vendo a foto, nao vejo a hroa de cair na áfrica..kkk
    http://graceolsson.com/blog/2010/08/only-next-year/

    ResponderExcluir
  3. Pois nunca devem jogar
    nada fira os animais
    eles não sabem falar
    mas sentem dores iguais

    beijinho,
    José.

    ResponderExcluir
  4. Mãe é mãe, não importa a especie animal...

    Fique com Deus, menina Chica.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  5. Que lindo,
    Voce escreve com tanto carinho é maravilhoso vir te ler.

    Beijinho.

    Ah tem selinho pra ti no meu blog

    Fernanda.

    ResponderExcluir
  6. Hereditariedade, afinidades e reciprocidade.
    Lindo triângulo de igualdade.

    Adorei!

    Linda semana Chica

    Bjs

    Livinha

    ResponderExcluir
  7. Olá Chica Lindo dialogo entre mãe filha os animais não falam mas sentes as dores como nós adorei.
    beijinhos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  8. Que lindo diálogo,Chica! É sempre gratificante vir às páginas do sementinhas.Abração.

    ResponderExcluir
  9. Ai q emoção, Chica!
    Curti deveras.

    Bjsssss
    Excelente semana!

    ResponderExcluir
  10. CHICA

    Beijinhos

    e obrigada pela visita
    estava a sentir a tua falta.

    ResponderExcluir
  11. Ficou lindo este blogggggggggggggg!!!! que fofo!!! adorei! não sabia que vc gostava de joaninhas!
    bjão!!!

    ResponderExcluir
  12. Adoro hipopotamos, bebês então, são fofinhos demais!!
    Boa lição, essas mamães são indispensáveis mesmo!
    bj

    ResponderExcluir
  13. Que visual maravilhoso ficou o Sementinhas, Chica! O que já era bom, agora está especial de bom! rsrs. Obrigado pela presença carinhosa de sempre e receba o meu abração. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  14. Amiga Chica!

    Ficou lindíssimo!
    Adorei!
    Ainda acabo encomendando um para mim.
    Parabéns.

    O post é duma sensibilidade tocante.
    Digo, e continuarei a afirmar, que somos todos animais.
    Que somos iguais em tudo, excepto na fala, eles também falam nós é que nunca aprendemos o seu idioma...
    Nem eles o nosso!

    Sei muito bem que os meus gatos me entendem.
    Acredita que nós conversamos???
    Pois é verdade!

    Quem maltrata os animais devia ser punido.
    Oxalá acabem com as touradas, com as lutas de galos e de cães e toda essa coisa primitiva, de atrasados mentais.
    Faz doer a alma ver o que se faz aos animais.

    Desculpa se e excedi...
    beijinhos

    ResponderExcluir
  15. O Blog está lindoooo.As histórias sempre maravilhosas.Adorei!Obrigada pelas visitas.Muita gentileza de sua parte.Beijosss Giselda

    ResponderExcluir
  16. Chiquinha; adoro joaninhas e agora elas estão espalhadas pelo nosso caminho , aqui no seu cantinho. Perdoa aminha ousadia, mas fiz um diálogo em forma de poema. Espero que gostes:

    Diálogo entre mãe e filho hipopótamos

    Mamãe; o menino me confundiu com um barril//
    Filho: Não liga para o que pensa o menino!//
    Olha, releve essa criatura ainda tão infantil//
    Querido: Tome cuidado um dia ele vai crescer//
    Para nos mostrar o seu instinto assassino!//

    Abraços Poéticos Piracicabanos

    Ana Marly de Oliveira jacobino

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥