♥ ♥ ♥ Uma história para contar ♥ ♥ ♥



Uma história para contar


Debaixo do pé de ipê,
Carregadinho de flor,
Entre tuas folhas a gente vê
O bailado de um beija flor.

Ritmado pela brisa cai o véu
No chão intenso tapete bordado
Sorri para o céu
Num manto azulado.

Contemplo os meninos que aqui chegam
Em seu sonho infantil
Vem me pedir
Para lhe contar uma história

Calados ficam a me escutar
Em teus enlevos, nesta aurora de agosto.
Ganho o afeto do dia a encantar
Muitas histórias ainda hei de contar com gosto

Toda vez que florescer
Vou lembrar com saudade
Das crianças que por aqui vi crescer

E se vão como as sementes
Semeados em algum lugar
Para suas flores a alguém ser presente

* Imagem DAQUI


Chegou a Ana Marly

Baila, baila primavera...
Ana Marly de Oliveira Jacobino/

Baila no jardim primavera,/
Sorrindo para um pé de ipê/
Adormece está bela esfera/
No seu mareado balancê./

Grudada no muro a hera,/
Em seu formato de buquê/
Leva meu sonho-quimera/
No som ritmado do afoxê./

Crianças de uma nova era/
Ouvem a história de Ieruê,/
O menino que domou a fera/
Girando-a no seu bambolê!

10 comentários:

  1. adoro os beija -flor no meu jardim no Mexico havia tantos!!!!
    beijos minha querida Chica!

    ResponderExcluir
  2. Chica,gosto tanto do Angeluar!Linda a poesia que escolheu!Amei o beija flor!Bjs,

    ResponderExcluir
  3. Poesia maravilhosa! A gravura escolhida é perfeita! Adorei!

    ResponderExcluir
  4. Que legal esse beija-flor! Aprecio-os aqui na pracinha quando ele visita cada flor faz seu bailado e vai embora. Abração.

    ResponderExcluir
  5. Simnplesmente lindas a imagem e a poesia.
    abração com carinho

    ResponderExcluir
  6. Saudades de seu entusiamo, Chica ainda bem que você voou pelo nosso jardim lá na Agend@ CaipiraciabANA Marly de Oliveira Jacobino

    Deixo aqui minha interação:

    Baila, baila primavera.../
    Ana Marly de Oliveira Jacobino/

    Baila no jardim primavera,/
    Sorrindo para um pé de ipê/
    Adormece está bela esfera/
    No seu mareado balancê./

    Grudada no muro a hera,/
    Em seu formato de buquê/
    Leva meu sonho-quimera/
    No som ritmado do afoxê./

    Crianças de uma nova era/
    Ouvem a história de Ieruê,/
    O menino que domou a fera/
    Girando-a no seu bambolê!/

    ResponderExcluir
  7. Como sempre vou encantado.
    Magia, sedução e tanto amor.

    ResponderExcluir
  8. Maravilhosa, Chiiiiica!
    Como estás????
    Beijocas, amiga!

    ResponderExcluir
  9. Oi chica! Parabéns seu Blog está lindinho demais.. Adorei ver meu texto 'Uma história paraa contar".. Eu tenho uma foto, assim que eu encontrar vou enviar para você. bjs e uma tarde carregada de nuvens de hamronia. Angela Green.

    ResponderExcluir
  10. Parabens muito linda a poesia e as gravuras.Que seu dom em escrever continue e nunca apague.
    Beijos

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥