♥ OS PARDAIS COMILÕES ♥


Todas as manhãs bem cedinho, lá estavam eles esperando por comida. Estavam tão acostumados a comer as quireras que Laura lhes dava todos os dias que ficaram preguiçosos e não queriam saber de ir procurar comida para eles e os filhotes

Quando Laura saia ou se esquecia de lhes colocar comida, começavam a pedir com as asinhas abertas numa gritaria danada, seus pios até ardiam nos ouvidos da gente; chegavam até a entrar na cozinha da casa dela de sem vergonhas que eram.

Laura então dizia, carinhosamente:

- Seus preguiçosos, se eu não lhes der comida vocês vão passar fome!

E a menina jogava no chão do quintal os grãozinhos de quirera e lá ia os pardais comerem todos numa algazarra daquelas e muito contentes. Comiam tanto até se empanturrar e depois para voar era um sacrifício, pois os danadinhos ficavam pesados demais.

Um dia a mãe de Laura disse:

- Laura, chega de tratar desses vagabundinhos, eles tem que aprender a buscar comida sozinhos, de hoje em diante você não deve alimentá-los!

Laura ficou muito triste, pois sabia que eles viriam procurar comida, mas tinha que obedecer a sua mãe.

No dia seguinte lá estavam os barulhentos esperando a comida. Laura da janela ficava olhando com tristeza, mas como era uma menina obediente não alimentou mais os pardais.

Passaram-se alguns dias e Laura andava tão triste que seu pai lhe perguntou:


-Filha, o que está acontecendo, eu tenho percebido que você anda muito amuada?

-Pois é papai, a mamãe me proibiu de alimentar os pardais e eles estão tão amuadinhos, que eu também fico triste aos vê-los assim!

De fato seu pai olhou pela janela e viu os passarinhos todos jururus esperando pela comida que não vinha, então, ele conversou com sua esposa e a chamou para ver também o quanto os pardais estavam tristes no quintal.

Ela se comoveu e falou para a filha:

- Pode continuar a alimentar os pardais, pois não quero ver você e nem eles tristes assim!

Laura saiu toda feliz, foi até ao quintal e levou deliciosas quireras para os pardais que fizeram a maior festa, e, de tanta alegria, ficaram rodopiando no quintal com as asinhas abertas como se estivessem agradecendo a menina pelo alimento.

E assim todos os dias pela manhã Laura saia com as mãos cheias e lá estavam os pardais a sua espera, felizes porque sabiam que teriam o alimento para eles e seus filhotinhos! Laura era muito bondosa, tinha um grande coração...


There Válio


* Foto do blog da Maria Tereza

Chegou Edumanes


Os pardais comilões
Nos telhados fazem os seus ninhos
Caçam insectos aos milhões
Para darem aos seus filhinhos.

Quando nascem ficam em seus ninhos
Até aprenderem a voar
Depois seguem seus caminhos
Quando chega a primavera começa a acasalar.

Seus ninhos começam a construir
Para os seus ovos neles por
Em cima deles os chocam a dormir
O tempo que necessário for.

27 comentários:

  1. Muito linda a história dos pardais!Gostei demais de conhecer o autor!bjs,

    ResponderExcluir
  2. Que graça esta história. É sempre bom passear por aqui!

    ResponderExcluir
  3. Oi Chica,
    Lindo lindo lindo...como sempre!
    Uma semana MARAVILHOSA para vc!
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olha...eu tenho esses danadinhos de montes no meu quintal!
    Sei bem como é!
    Adorei o texto!
    Bjs e quero te desejar um ótimo começo de semana com muita saúde e paz!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  5. Uma graça esse texto!
    Chica, gostaria de convidar você para conhecer meu blog de trabalho de artezanato?...Obrigada.

    http://friendsforeverdecor.blogspot.com.br/

    Bjs
    Amara

    ResponderExcluir
  6. Minha amiga Chica, quão feliz eu fico quando você coloca meus textos em seu delicioso blog.
    Fique sabendo que me inspirei nos danadinhos que todo dia eu dou comida aqui em casa, quando me esqueço eles entram até dentro da cozinha para procurar comida.
    São muito safadinhos rsss. mas também são uma gracinha.
    Feliz Páscoa para você e família.
    Bjos.
    There Válio

    ResponderExcluir
  7. Que linda história, Chica... é uma terapia para a menina.. rsrsr.. boa semana.. bjss

    ResponderExcluir
  8. Querida Chica!
    Que delícia ver o nosso "pardalzinho argentino" brincando aqui neste teu encantado cantinho... Fiquei curiosa e vim espiar...(Rs...) Aqui tudo é tão lindinho e tão repleto de carinho!
    Eu e o pardalzinho estamos emocionados e honrados de estarmos por aqui... Muito obrigada pela doce lembrança,querida amiga!
    E meus parabéns para a There Válio, pelo texto lindo,terno e gracioso! Me senti logo como a menina dos passarinhos (Rs...) ... Tudo pura ternura!
    Beijos pra vocês duas, meninas de coração de ouro!
    Teresa

    ResponderExcluir
  9. que coisa mais linda...


    beijos, uma linda e abençoada semana!!

    ResponderExcluir
  10. OiChica, eu sempre fico encantada com as histprinhas do blog. Linda como sempre.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Chica! Vi algumas semelhanças com a minha vida aqui! Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Beleza de história! Quando jovem morava numa casa e os pardais vinham comer farelo no fundo do quintal. As crianças se divertiam muito.
    Abração.

    ResponderExcluir
  13. AHHH, MAS QUE FOFURA, FIQUEI SÓ IMAGINANDO ELES PESADINHOS E SEM CONSEGUIR VOAR DE TANTO COMER, SRRSR, É LINDO, ADOREI!

    ResponderExcluir
  14. Mais um momento de magia.
    Adoro!!

    ResponderExcluir
  15. Os pardais comilões
    Nos telhados fazem os seus ninhos
    Caçam insectos aos milhões
    Para darem aos seus filhinhos.

    Quando nascem ficam em seus ninhos
    Até aprenderem a voar
    Depois seguem seus caminhos
    Quando chega a primavera começa a acasalar.

    Seus ninhos começam a construir
    Para os seus ovos neles por
    Em cima deles os chocam a dormir
    O tempo que necessário for.

    Desejo uma boa noite para você,
    Um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  16. Querida Chica,

    Olha eu amei esta estória! Eu vivi e revivi esta estória através da leitura! Excelente! E saio contente com o final feliz. Adoro esta barulheira toda dos pardais rsrs.


    Beijos com carinho e uma Feliz e abençoada Páscoa a você e familiares.

    ResponderExcluir
  17. Boa Noite amiga Querida.
    Sem querer descobri que temos quase a mesma idade.
    Foi ai que me apaixonei mas pelo seu blog.
    Uma mulher com alma de criança isso é a coisa mais linda do mundo .
    Uma feliz semana beijos.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  18. Chiquinha,
    adorei a história!
    Achei que a Laura nunca mais daria a comida aos pardais, mas que sorte que o pai deixou.

    Beijos e te cuida!

    ResponderExcluir
  19. Linda historinha. A criançada fica encantada com eles. Beijos

    ResponderExcluir
  20. Chica,
    Os pardais comilões - uma
    história de que crianças e
    também adultos irão gostar!
    bj
    Cristina Sá
    http://cristinasaliteraturainfantile
    juvenil.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Já está corujando com o neto??? rs
    meu beijo!

    ResponderExcluir
  22. CHICA QUERIDA, OBRIGADA PELA SUA VISITA LINDA DE TODOS OS DIAS, E O LA FEMME VC NÃO O CONHECIA, PQ ELE NASCEU ONTEM AS 23;00 DA NOITE,E QUANDO TERMINEI JÁ ERA BEM TARDE E NÃO TIVE TEMPO DE AVISAR E NEM CONVIDAR NINGUÉM,MAS SINTA SE MAIS DO QUE CONVIDADA. E LA TERA TUDO O QUE NÓS MULHERES GOSTAMOS OU PRECISAMOS, E SE VC TIVER ALGUMA IDÉIA PARA EU POSTAR NELE,FIQUE "A LA VONTE", RSRS

    BJS NO CORAÇÃO!

    PATTY!

    ResponderExcluir
  23. A natureza nos comove,que bom podermos falar dela com amor e simplicidade.Beijo de leitor.:-BYJOTAN.

    ResponderExcluir
  24. Passando para deixar um abraço
    carinhoso e lendo o que de melhor
    tem aqui,por isso parabenizo sempre
    Um Blog que tem tudo que é bom
    Abraços de um dia feliz Rita!!

    Mais um belo momento de paz!!

    ResponderExcluir
  25. Que linda história! Como tantas outras que vc posta aqui, que eu adoro. Também tenho um carinho enorme pelos passarinhos... Amo! Aqui pela minha casa, além dos meus, recebo várias visitas, inclusive dos pardais.

    Um cheiro minha flor.

    ResponderExcluir
  26. Chica; Que lindissima história cá há muitos pardais sabes que eles sabem aonde lhe dão comer. por isso se habituam a ir ao local.
    Beijinhos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  27. Chica
    Seus versos são reais.Cheios de ternura .Um encanto.

    Os pássaros adoram ser alimentados.
    Beijos.

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥