♥ NÃO MORO TÃO SÓ ♥



NÃO MORO TÃO SÓ

Gil de Olive

Aqui no topo, bem no cume do morro,
a muitos anos, que não moro sozinho,
não é só eu, tenho um amigo, cachorro,
e dorme aqui na rancho, um passarinho.


Ia esquecendo, uma beleza de um gato,
que vive comigo, é minha bela criação.
Tenho mais alguns animais do mato,
veja bem, não vivo só aqui no sertão...


Penso devagar, por viver solitário por cá,
e nesse rancho, não conheço todo o espaço,
acho que não te falei sobre o lindo sabiá,
e também sobre a ninhada do sanhaço...


Então, pensando bem, não moro sozinho,
por que mora comigo aqui um beija flor,
não te falei sobre o casal de canarinho?
Ela tem bela voz, e ele, é um trovador...


Não sou só, vê que a vida se esbanja,
e nem ainda te falei sobre o pomar,
vou até lá, prá eles apanhar laranja,
e depois voltarei aqui, para te falar...
GIL DE OLIVE

Chegou Edumanes

Não moro tão só
Tenho um amigo cachorro
É esperto, não totó
Não precisa usar gorro!

Também um passarinho
um gato que vive comigo
Cada um em seu cantinho
Aqui eu só não vivo!

Não conheço todo o espaço
Mora aqui um beija-flor
Bebemos água do regato
Quando está muito calor!

Chegou a Livinha

Quisera fossemos assim
a não reclamar da solidão
a observar nossa morada,
e jamais esquecer do amigo cão

26 comentários:

  1. Que lindeza.
    Um texto muito encantador de ler.

    Beijão Chica.

    ResponderExcluir
  2. Olá, as vezes me sinto igual essa vaca, feliz por ter meus bichos comigo rss abraços

    ResponderExcluir
  3. Agradecer o carinho que você dedica
    aos amigos é uma virtude maravilhosa
    Hoje deixo meu bom dia, e desejo o melhor
    pra vc,e parabenizo pelo bom gosto que tem
    em postar o que gosta,e o que eu adoro
    Abraços ..Rita!!!

    ResponderExcluir
  4. Tão lindo!!
    Penso eu que a solidão exista só dentro da gente, se assim o quisermos, pois companhia é o que não nos falta.
    Deu vontade de estar nesse lugar encantado.
    Amei a poesia.

    Beijos Chica querida.

    ResponderExcluir
  5. Chica, que lindo!!!

    Amei, e essas poesias com os bichos, fazenda... ai ai, tem um "tom" pra lá de bom...

    Lindo dia por aí! Aqui chove chove chove...

    E os cabelinhos, agora voam livrementes,kkkkk... Mas na hora de ir para escola, bonézinho neles!rs

    Beijossss.

    Su.

    ResponderExcluir
  6. A vida no campo nunca é solitária p aqueles que tem o coração aberto aos amigos da natureza! Adoro o campo! Belo texto!Bjim

    ResponderExcluir
  7. Sou fã do Gil de Olive!Quanta coisa bonita ele escreve!Adorei essa poesia!bjs,

    ResponderExcluir
  8. Chica, sou fã demais do Sementinhas pra Crianças... Amo os textos que vc posta, são de uma ternura, ensinamento... de tocar a gente.

    Chica querida, meu carinho de sempre por vc.

    Cheiros minha flor com joaninha.

    ResponderExcluir
  9. Chica! Bom mesmo é não estar sozinho. Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Até os animais precisam de amigos.Não é bom viver sozinho.

    Chica, quanto à MOÇA, ela ( a minha mulher) não viu KKKKK.
    Abração.

    ResponderExcluir
  11. Adorei Chica...junto com a natureza jamais estaremos sozinhos...como ele percebeu!
    Bjs, uma linda semana, com paz e boas energias!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  12. As sua fábulas de animais são espantosas pelas lições de moral que sempre encerram.

    Uma vaquinha solitária mas ainda assim alegre e satisfeita pelo muito que pode viver com aqueles amigos que lhe fazem companhia.

    ResponderExcluir
  13. Oi Chica, que gosto é ter amigos sempre por perto, nem que sejam de quatro patas.
    As vezes me sentia sozinha mesmo rodeada de muita gente, Hoje moro no campo só eu e o marido e três amiguinhas de quatro patas, nunca mais me senti sozinha, e temos muitos amiguinhos de penas rsrsr.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Que coisa mais linda estes versos do Gil de Olive! Saudades dele...
    Essa vaquinha me lembrou meu netinho que ama vacas, rsrs...
    Ah! Quer saber? Amei tudo por aqui!!!

    Amada amiga, carinhos meus pra ti.
    Beijos floridos

    ResponderExcluir
  15. Chiquinha,
    muito bonitinho o poema, deu uma ideia de esperança e convívio com a natureza, divina por si só!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. É um belo texto, em mesmo sem a aprendiz em casa tambem não fico sozinha, tenho os meus peludos que me fazem companhia...lol.
    Laranjas não tenho nas "apanho" no quintal da mãe :)
    Beijos querida

    ResponderExcluir
  17. Ah um encanto, Chica!

    Precisamos sempre de amigos de companhia, né?

    Super bjo pra vc!

    Mi

    ResponderExcluir
  18. muito legal
    meu pai comprou uma vaca e um toro eu um bezerro ontem
    beisos

    ResponderExcluir
  19. Não moro tão só
    Tenho um amigo cachorro
    É esperto, não totó
    Não precisa usar gorro!

    Também um passarinho
    um gato que vive comigo
    Cada um em seu cantinho
    Aqui eu só não vivo!

    Não conheço todo o espaço
    Mora aqui um beija-flor
    Bebemos água do regato
    Quando está muito calor!

    Vivemos felizes aqui
    Onde nada faltar
    Animais do mato vi
    Tem laranjas no pomar!

    Boa terça-feira,
    um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  20. Que delícia de texto!
    Uma semana linda para vc.
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Chica que delicia de poema,

    Quisera fossemos assim
    a não reclamar da solidão
    a observar nossa morada,
    e jamais esquecer do amigo cão

    Adorei!

    Feliz semana

    Bjinhus

    Livinha

    ResponderExcluir
  22. Eu adorei, é claro! Cheio de bichinhos!!!
    Beijos meus!

    ResponderExcluir
  23. ola, amiga,
    que lindo!

    i love it:)

    have a great day!

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  24. Chica

    E é assim.
    A gente nunca vive só por nenhum segundo. Sempre tem um bichinho por perto.

    Bjs

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥