♥ OH, VIDA DE COÇAR!♥



OH !VIDA DE COÇAR!

Dante Marcucci

Mas que horror!
Plantei uma roseira,
Pro meu jardim enfeitar...
Veio um bando de formiga,

Acabou com minha flor!
Plantei uma palmeira,
Pra minha rede amarrar...
Veio um bando de lagarta,
Acabou meu balançar!

Plantei um limãozinho,
Pra ter um suco bem fresco...
Veio um bando de PASSARINHO,
Acabou com meu refresco!

Plantei uma hortinha,
Tomate, couve e agrião.
Veio um bando de pulgão,
Acabou mia comidinha!

Plantei uma parreira,
Pra ter um vinho e uvinha...
Veio um bando de abelhinha,
Acabou mia bebedeira!

Plantei um milharal...
Como é bom uma espiguinha!
Veio um bando de joaninha,
Acabou com meu curau!

Comprei um cachorrinho,
Pra minha vida alegrar...
Veio um monte de pulguinha,
Não para mais de coçar!

Comprei uma galinha,
Pra algum ovinho eu fritar.
Veio um bando de piolho,
Agora não quer mais botar!

Comprei uma roupinha,
Pra domingo passear...
Veio um bando de tracinha,
Agora não da mais pra usar!

Plantei uma floresta inteira,
Pra natureza ajudar...
Veio a saúva cortadeira,
Acabou com a minha festa!
Agora eu vou é rezar

Pro meu santo predileto!
Vou pedir pra ele ajudar
A acabar com tanto inseto!

Mas VÔ: É inseto o PASSARINHO?
Pois é meu netinho...

Comprei um carrinho,
Lustrava o teto e o capô...
Comia inseto o passarinho,
Sabe onde fazia o cocô?


* Imagem Daqui


Chegou Edumanes

Esse bando do terror
Foi sua roseira destruir
Estaria seca de calor
Sua rosa não mais florir!

Acabou com a sua flor
Na palmeira não tocar
Tem pico causa dor
Formiga sempre a trabalhar!

Ela abre carreiros
Todas em fila a caminhar
Vão aos terrenos
Buscar sementes para armazenar!

Embora gente não goste dela
Mas ela é muito trabalhadora
No verão enche a sua gamela
No inverno tem cheia a manjedoira!

Plantou a hortaliça
Lá na horta se calhar
Veio a lagarta chiça
Nas folha balançar!

Só a formiga terror
Apareceu para trabalhar
Veio a cigarra cantor
Para a festa mais animar!

Plantou um parreira
Lá na sua hortinha
Foi uma linda brincadeira
Que só folhas ela tinha!

Uvas nem vê-las
Se esqueceu de adubar a terra
No céu brilham as estrelas
Formigas terror declarada guerra?

Mas tudo acabou em bem
Insectos e passarinhos
No carrinho ou no trem
Todos receberam carinhos!

20 comentários:

  1. Poema encantador. Passando correndo só pra te dizer: Bom dia!
    Que o seu dia chegue trazendo
    Muitos sorrisos
    Doces abraços
    Gostosos beijinhos
    E muita felicidade!
    Uma ótima quinta-feira pra você!
    Beijos na alma.
    Gracita

    ResponderExcluir
  2. Os insetos são mais evoluídos do que reconhece " a nossa vã filosofia"! abraços

    ResponderExcluir
  3. Como todos os outros poemas são sempre agradáveis de ler e esta bicharada são uma praga.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia , CHICA...Poesia engraçadinha, falando desses bichinhos que tudo destroem, mas fazem parte da natureza, fazer o que...DANTE, um poeta versátil , sabe muito bem escrever para o mundo infantil...bjos querida, e tenha um otimo amanhecer....
    heloisa crosio

    ResponderExcluir
  5. KKKK...Que deliciosas as torvinhas do Dante!Isso pega como coceira!...rss...parabens!bjs,

    ResponderExcluir
  6. Esse bando do terror
    Foi sua roseira destruir
    Estaria seca de calor
    Sua rosa não mais florir!

    Acabou com a sua flor
    Na palmeira não tocar
    Tem pico causa dor
    Formiga sempre a trabalhar!

    Ela abre carreiros
    Todas em fila a caminhar
    Vão aos terrenos
    Buscar sementes para armazenar!

    Embora gente não goste dela
    Mas ela é muito trabalhadora
    No verão enche a sua gamela
    No inverno tem cheia a manjedoira!

    Plantou a hortaliça
    Lá na horta se calhar
    Veio a lagarta chiça
    Nas folha balançar!

    Só a formiga terror
    Apareceu para trabalhar
    Veio a cigarra cantor
    Para a festa mais animar!

    Plantou um parreira
    Lá na sua hortinha
    Foi uma linda brincadeira
    Que só folhas ela tinha!

    Uvas nem vê-las
    Se esqueceu de adubar a terra
    No céu brilham as estrelas
    Formigas terror declarada guerra?

    Mas tudo acabou em bem
    Insectos e passarinhos
    No carrinho ou no trem
    Todos receberam carinhos!

    Boa quinta-feira para você,
    amiga Chica.
    um abraço
    Eduardo.




    ResponderExcluir
  7. Chica! Os bichinhos, por vezes, perturbam também!! Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Assim não dá né! Ai passarinho... rs.

    Bjão, super legal!

    ResponderExcluir
  9. Um poema belo e muito original, parabéns pela postagem.

    ResponderExcluir
  10. oi chica, muito bom!

    Uma delicinha de ler essas trovas de Dante e Edumanes..., criativas e divertidas.

    /beijos/

    ResponderExcluir
  11. Gostaria de ter mais tempo, pra vir te visitar, pq sempre saio daqui com a alma mais leve, me atrevo a dizer, igual alma de criança...Beijos querida, parabéns pela sua poesia e por todos os blogs.

    ResponderExcluir
  12. Muito boa essas trovas! Parabéns ao Dante e
    Edumanes!Adorei!!
    Bjs
    Pedro e Amara

    ResponderExcluir
  13. Adorei...e é bem assim mesmo! Os insetos estão por toda parte e a gente tem que viver com eles, não tem jeito!
    E cáca de passarinhos, limpo todo dia cedinho!
    Bjs Chica e um final de semana de muita paz!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  14. É sempre um prazer participar do teu blog, um recanto riquíssimo onde posso mostrar um pouco das minhas poesias. Muito obrigado e um beijão, Chica.

    ResponderExcluir
  15. Oi Chica,

    Que poema mais lindo, amei!
    Quanta imaginação do autor, ficou perfeito!

    Parabéns!

    Tenha um lindo fim de Semana Chica, tudo de bom!

    ResponderExcluir
  16. Chiquinha,
    tudo bem?
    Essa foi boa, e fiquei pensando o quanto na natureza tudo é reciclagem, e cada bichinho ou planta aproveita um pouquinho para que tudo siga funcionando divinamente, assim como é a natureza :)
    Chica, deixei lá no Humoremconto um aviso a todos, tá bom?
    Beijos e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  17. Chica,

    Que bonitinho isso tudo!

    Hoje, foi olhar minhas plantas e as formigas estão passeando por lá. Conversei com elas, pois não uso nenhum tipo de produto tóxico em minhas plantas. Vou tentar pelos meios naturais. Rs
    Vou contar esse lindo versinho pra elas, quem sabe elas vão para Conchichina. Rs

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Amei Chica!
    Adoro seu cantinho

    Beijos no Coração
    Andrea

    ResponderExcluir
  19. Kkkkk... Tô aqui rindo da série de desgraças provocadas pelos insetos... Muito divertido o poema!

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥