♥ Num Cãodomínio... ♥

Monica Carretero


No CÃOdomínio do Bidú
as coisas são animadas
Mora o Sr.Perú do Glu
e as ratinhas  bem malhadas.

Mora o Macaco Simão
o alce Bruno e  Tico, o cão,
com uma mancha no olhinho!

Rei Leão  o dono do prédio
avisa, avisa que silêncio quer!
Mas lá ninguém sofre de tédio
e às vezes, seja o que Deus quiser!!!

Todos se dão muito bem,
sabem aos outros respeitar
mas na hora de dormir
todos querem conversar!

Dona girafa que é mais velha
adoentada fica na cama a reclamar:
_Parem com isso! Fiquem quietos!
Assim não posso me curar!

Entre todos o mais danado
é o sapo Serelepe e loirinho
fica a pular, fazendo estepe
e nem se  importa com o vizinho...

Um dia, após uma gritaria
acordaram o Rei Leão
E agora? Quem lá ficaria?
Ninguém ficou pra ver não!

Chica

Chegou Edumanes


No CÃOdomínio, confusão
Nele habita a bicharada
Mora lá o Macaco Simão
Com a sua namorada!

No CÃOdomínio, o Leão
Considerado, rei da selva
Vai haver muita animação
O CÃOdomínio está em festa?

Começou a gritaria,
O Leão parecia não gostar
Talvez, zangado estaria
Por não saber dançar!

Já não lhe tinham respeito
A bicharada não lhe obedecia
Dono do prédio insatisfeito
Com tanto ruído noite e dia!

O que não ficava quietinho
Pulava, mas não sabia dançar
Era o sapo Serelepe e loirinho
Com o vizinho não se importar!

Todas se dão muito bem
São diferentes dos humanos
Quem vizinhos barulhentos tem
Por vezes as aparências são enganos!


Chegou a Maria Luiza

E pernas pra que te quero
Fugiram todos a tremer
Com medo que aquela fera
Pusesse tudo a perder

Mas na ânsia de fugir
Não viram o leão sorrir
Da louca correria
que fizeram ao sair

Voltaram então ressabiados
Com o rabinho entre as pernas
Prometendo não mais bagunçarem
Demorou pouco para tudo iniciarem

13 comentários:

  1. No CÃOdomínio, confusão
    Nele habita a bicharada
    Mora lá o Macaco Simão
    Com a sua namorada!

    No CÃOdomínio, o Leão
    Considerado, rei da selva
    Vai haver muita animação
    O CÃOdomínio está em festa?

    Começou a gritaria,
    O Leão parecia não gostar
    Talvez, zangado estaria
    Por não saber dançar!

    Já não lhe tinham respeito
    A bicharada não lhe obedecia
    Dono do prédio insatisfeito
    Com tanto ruído noite e dia!

    O que não ficava quietinho
    Pulava, mas não sabia dançar
    Era o sapo Serelepe e loirinho
    Com o vizinho não se importar!

    Todas se dão muito bem
    São diferentes dos humanos
    Quem vizinhos barulhentos tem
    Por vezes as aparências são enganos!

    Boa segunda-feira para você,
    amiga Chica, um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  2. Fiquei pensando aqui...

    Acho que quero morar nesse CÃOdomínio...

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde Chica, adoro esse cantinho aqui, alias todos os seus cantinhos nee, rsss- estou sobrecarregada de serviço e faz dias que não consigo entrar nos blogs, estou de coração partido por essa situação viu... Em breve retornarei ok, meu coração está ai com vocês, sempre! Um grande beijo que sua semana seja repleta de alegria!
    Paty Alves
    www.agape-amorverdadeiro.blogspot.com
    www.patyiva.blogspot.com
    www.tentardeocoracao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Este Cãodomínio é bem convidativo.
    Abração.

    ResponderExcluir
  5. Chica! Esse lugar parece ser mesmo divertido!! Beijo!

    ResponderExcluir
  6. Oi Chica,

    Que animado esse Cãodomínio, amei sua criatividade!

    Uma ótima semana para você, beijos!

    ResponderExcluir
  7. E pernas pra que te quero
    Fugiram todos a tremer
    Com medo que aquela fera
    Pusesse tudo a perder

    Mas na ânsia de fugir
    Não viram o leão sorrir
    Da louca correria
    que fizeram ao sair

    Voltaram então ressabiados
    Com o rabinho entre as pernas
    Prometendo não mais bagunçarem Demorou pouco para tudo iniciarem
    Com meu abraço!

    ResponderExcluir
  8. Ai que gostosura ler suas poesias
    tão fofas, volto a ser criança de novo, que deliciaaa
    Bjuss minha Chiquinha querida
    Rita!!!

    ResponderExcluir
  9. Mais um momento de magia, com estes belos poemas que nos fazem voltar a uma infância que já vai longe.

    Um beijo

    ResponderExcluir
  10. Que cãodomínio maluco! Não sobreviveria a tanta loucura! Que bicharada Doida!
    Bjux Chica.

    ResponderExcluir
  11. Demais esse Cão dominio!...rss...muito inspirada sua poesia,Chica!Eu adorei!bjs,

    ResponderExcluir
  12. Vai ver o leão era mansinho....mansinho...abçs

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥