Feliz Natal para todos!

Feliz Natal para todos!

♥ Tata a tartaruguinha gaga... ♥




Tata a tartaruguinha gaga.

Tata era uma tartaruguinha muito fofinha e inteligente!

Ela gostava de falar muito rápido e por isso acabava gaguejando.

Quando ela falava com alguém, tinha tanta coisa para dizer que as palavras apressadas saiam todas picadinhas da sua boquinha.
Tata ficava aflita e colocava a mãozinha na boca.

Assim parecia que as palavras ficavam presas na sua boquinha.
Um dia Tata resolveu mudar isso.

Ela descobriu que se ela falasse mais devagar as palavras não ficavam mais presas.
Então ela ficou muito feliz e foi conversar com seus amiguinhos.

Ela começou a falar bem devagar e as palavrinhas foram saindo, uma por uma... Nenhuma ficou presa dentro de sua boquinha.

Os amiguinhos adoraram conversar com ela e ouvir suas histórias.
Ela se tornou uma grande contadora de histórias!

(Raquel Bouchardet)

Importante!
A gagueira é um distúrbio de causa genética.
Atinge 1% da população mundial.
A criança (ou pessoa) que apresenta gagueira não é uma pessoa nervosa ou tímida.
Ela tem uma dificuldade de fluência na fala, que se origina no cérebro.
O gago precisa apenas da sua paciência em esperá-lo falar no seu próprio tempo, sem apressa-lo, interrompê-lo ou pedir para que ele tenha calma ou pare para respirar.
Todos nós somos diferentes! E ninguém precisa ser perfeito!
Ser perfeito é MUITO CHATO!
Viva a diferença!

10 comentários:

Ives disse...

Olá! Falar pausadamente é um bom exercícios a quem gagueja, sou testemunha disso! abração

Tina Bau Couto disse...

Tata gaga foi demais :)
Adorei

Falar pausadamente é bom remédio para quem gagueja e bom hábito para quem não gagueja.
Pausa.
Respiração.
Fala clara, sem senso de urgência, eco, excessos, para não deixarmos os outros e ficarmos gagas, sinônimos de leles, cedo D+
\o/

Beijos e fala pausada para uma sexta abençoada!

Raquel Bouchardet disse...

Obrigada pelo carinho, amiga!
Seu blog é fofo!
Escrevi esse texto com muito carinho para minha filhinha que é gaga.
Beijos, querida!
Raquel Bouchardet

Raquel Bouchardet disse...

Obrigada pelo carinho, amiga!
Seu blog é fofo!
Escrevi esse texto com muito carinho para minha filhinha que é gaga.
Beijos, querida!
Raquel Bouchardet

Lídia Borges disse...


Uma forma de dar às crianças, para além do prazer de ler ou ouvir ler, a forma correcta de apreensão e aceitação da diferença.

Parabéns!

Um beijo

Tunin disse...

Que lindo isso, Chica!Uma lição de autoestima.
Abração.

Mamães em Rede disse...

Chica!

Essa lição serve até para quem não gagueja. Falar pausadamente é melhor para quem fala e para quem ouve.

Beijo!

Equipe MR

Amara Mourige disse...

Ótimo texto! Com certeza falar pausadamente melhora a gagueira. Eu quando era criança em certas situações eu ficava gaga.Eu passei a me controlar, pensava antes de falar e a gagueira acabou.
Um feliz Final de semana!
Beijos
Amara

Anne Lieri disse...

Uma graça d poesia e como é bom quando ela nos acrescenta conhecimento tb!Eu adorei!bjs,

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Adorei a poesia e o que foi dito sobre a gagueira
Vivendo e aprendendo
Um beijão para tí, Chica
Verena e Bichinhos