♥ Crianças em Alvoroço ♥

J Estanislau Filho


o rugido do vento
pela casa adentro
assustou cães e gatos


panelas e pratos
ficaram em prantos
de puro espanto


pulgas pularam
dos pelos dos animais
pois são medrosas demais


as crianças sorriram
das pulgas correndo
com asas batendo


meninos - disse a mãe:
pulga tem mola
não voa, pula


a borboleta atenta
voando lenta
pousou na geladeira


causou barulheira
pois as crianças
na maior confiança


quiseram pegá-la
e ela assustada
fugiu pela janela


o vento rugiu de novo
balançou as cortinas
quando o pinto saiu do ovo


meninos e meninas
ficaram admirados
vendo o pinto molhado...


ele fez piu-piu
todo mundo se distraiu
o vento ficou calado

o pinto piou de novo
olhando a casca do ovo
que virou um ovo de páscoa


foi assim que aconteceu
o vento então se escondeu
ou foi embora enciumado...


"entrou pelo bico do pato
saiu pela perna do pinto
contei uma, vocês contam cinco".


J Estanislau Filho-     Palavras de Amor-páginas 23 e 24

Imagem: Teresa Cristina contando história.
Teresacristinaflordecaju escreve no Recanto das Letras e tem vários textos por aqui.


10 comentários:

  1. "Crianças em alvoroço"
    fugidas do vento
    neste mundo maravilhoso
    a sua vida não seja tormento.

    Vou à minha maneira,
    comentar esse belo poema
    as crianças na brincadeira
    viram voar uma pena!

    A sorrir a foram apanhar,
    para dar a quem pertencia
    era dum passarinho a voar
    entre as nuvens desaparecia.

    Mandaram embora a tristeza,
    são feliz com amor e carinho
    a voar, viram uma borboleta,
    diferente do passarinho!

    Tenha um bom fim de semana amiga Chica,
    com tudo o que você mais deseja em sua vida, um abraço.
    Eduardo,

    ResponderExcluir
  2. Laura achou graça da história e achou a palavra alvoroço muito engraçada!! rsrs Beijo! Renata e Laura

    ResponderExcluir
  3. Uma gracinha e muito divertida! Amei!!
    Beijos
    Amara

    ResponderExcluir
  4. Palmas!!!! Adorei... vou ler pra Maria amanhã! Boa noite Chica!!!

    ResponderExcluir
  5. Ai, saudades de ser professora! Muito lindo isso! beijos e feliz domingo!

    ResponderExcluir
  6. Ah e quando se tem alegria, contação de história criança e brincadeira a vida é um alvoroço gostoso de se ver. Bjs amei a poesia. tem novidades no blog

    ResponderExcluir
  7. Bom dia, amiga! As crianças precisam ser incentivadas a ler desde cedo. A poesia do poeta José Estanislau vem de encontro ao prazer de ler.
    Eu gosto de ler para as crianças na escola, acho muito bom estar no papel de leitora. É uma sensação de preenchimento na alma.
    Tenham um bom fim de semana...

    ResponderExcluir
  8. Bom dia, amiga! As crianças precisam ser incentivadas a ler desde cedo. A poesia do poeta José Estanislau vem de encontro ao prazer de ler.
    Eu gosto de ler para as crianças na escola, acho muito bom estar no papel de leitora. É uma sensação de preenchimento na alma.
    Tenham um bom fim de semana...

    ResponderExcluir
  9. Bom dia, amiga! As crianças precisam ser incentivadas a ler desde cedo. A poesia do poeta José Estanislau vem de encontro ao prazer de ler.
    Eu gosto de ler para as crianças na escola, acho muito bom estar no papel de leitora. É uma sensação de preenchimento na alma.
    Tenham um bom fim de semana...

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥