♥ A lua cheia e a casa do fim da rua ♥


                                                                      imagem daqui


Era uma casa no fim da rua.

Todas as noites os morcegos voavam sobre a casa.

Havia nela uma chaminé alta por onde eles passavam para dormir.

Então, um dia, a lua apareceu no céu.


De início, a lua surgiu baixa, como se estivesse no chão da rua.

Uma lua como se fosse uma abóbora, para se estender no chão!

Sabe o que faz uma lua cheia assim?

Ela toma de conta de toda a rua jogando raios de luz nas casas.


Mas a lua caminhava.

E nada melhor do que

ficar sentada no céu

olhando a chaminé

da casa no fim da rua.

Quando a lua parou, toda a casa se pintou de laranja.

Foi um libertar de morcegos que voaram pelo céu com tanta claridade.
E invadiram as árvores, as torres da igrejinha e o alto de um morro que ficava por trás da casa do fim da rua.


E no céu se desenhou uma nuvem escura de morcegos, momentaneamente, na frente de uma parte da lua.

— Quem foi que colocou uma cortina na minha frente?, — perguntou a lua?


Nem se sabe como foi a resposta, se houve alguém que respondeu a essa pergunta feita num salto que a lua deu fugindo da nuvem de morcegos.

Impulsionada pelo salto, a lua passou por cima da chaminé da casa e ficou mais ao lado, quase inclinada para o telhado da sala, de modo que uma menina que estava em sua janela ficou admirando o luar.


Como a noite estava muito quente, a lua sorriu para a menina e foi indo se balançando para uma praia.

E a lua foi no vento...

Colorindo todo o céu de um laranja-vivo que é para deixar saudades!

 Teresa Cristina flordecaju.

7 comentários:

  1. Lindas são as noites de lua cheia! Beleza e mistério se misturam entre olhares atentos do espectador! Difícil parar de contempla-lá!

    Bjs pra vcs! ❤️
    Feliz terça-feira!

    ResponderExcluir
  2. Uma linda história em noites de lua cheia!
    Bem misteriosa e adorei amiga Chica.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  3. Lindíssima história,muito belo este teu conto,gostei bastante!!

    ResponderExcluir
  4. Adoro mistérios, mas não gosto dos morcegos rs...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  5. "A casa do fim da rua" só essa frase já é uma poesia, onde a gente viaja do jeito que a inspiração quiser... Adorei, a lua, a menina, o céu laranja... beijos minha querida

    ResponderExcluir
  6. Que linda, eu amei, Chica! Parabéns para Teresa Cristina flordecaju! Beijinhos pra ti!

    ResponderExcluir
  7. oi Chica, adorei a história. Beijinhos pra você e Teresa.

    Obrigada pelo carinho de sempre. Boa semana! 🌼

    ResponderExcluir

♥ ♥ ♥ Fico feliz de te ver aqui, falando comigo!beijos,chica ♥ ♥ ♥